Mariópolis, PR °min °max

Município de Mariópolis desenvolve plano de contingência contra sarampo, rubéola e rubéola congênita

O Departamento de Saúde, através dos setores de Epidemiologia, vacinas e Atenção Básica, criou o Plano de Contingência do Município de Mariópolis para atender as situações de emergências em saúde pública com relação ao sarampo, rubéola e rubéola congênita. Foram aportadas a este documento as diretrizes éticas e técnicas da prevenção, nesse sentido capacitando toda equipe para atuar com segurança e autonomia no enfrentamento dessa problemática.

A Enfermeira da Epidemiologia, Silvania Bussolaro destaca que “para garantir a melhor execução das atividades previstas no plano foi necessária a construção coletiva e integrada do documento, com os setores de vacinação e atenção básica contemplando diferentes cenários de transmissão, levando em conta a situação de risco, a aplicabilidade e o monitoramento das atividades”.

A única forma de prevenir o Sarampo é com a Vacina Tríplice Viral (VTV), pessoas de 1 a 29 anos devem receber 2 doses da Vacina Tríplice Viral (VTV) e de 30 a 49 anos devem receber 1 dose. A primeira dose da tríplice viral deve ser ministrada aos 12 meses de idade, aos 15 meses, uma dose da vacina tetraviral (sarampo, caxumba, rubéola e varicela), que corresponde à segunda dose da vacina tríplice e uma dose da varicela.

Confira a atualização dos casos de Sarampo no Brasil de acordo com o  informe nº 27 de 17/10/2018, do Ministério da Saúde:

Amazonas – 1.776 casos confirmados e 6 óbitos

Roraima – 330 casos confirmados e 4 óbitos

Rio Grande do Sul – 37 casos confirmados

Rio de Janeiro – 18 casos confirmados

Pará – 17 casos confirmados e 02 óbitos

Sergipe – 04 casos confirmados

Pernambuco – 04 casos confirmados

São Paulo – 03 casos confirmados

Rondônia – 02 casos confirmados e

Distrito Federal – 01 caso confirmado