Mariópolis, PR °min °max

Saúde do Trabalhador promove ações alusivas a Campanha Maio Amarelo 2018

O Movimento Maio Amarelo nasce com uma só proposta: chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo.

O objetivo do movimento é uma ação coordenada entre o Poder Público e a sociedade civil. A intenção é colocar em pauta o tema segurança viária e mobilizar toda a sociedade, envolvendo os mais diversos segmentos: órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil organizada para, fugindo das falácias cotidianas e costumeiras, efetivamente discutir o tema, engajar-se em ações e propagar o conhecimento, abordando toda a amplitude que a questão do trânsito exige, nas mais diferentes esferas.

No ano de 2018, com o mote “Nós somos o trânsito” o Movimento chega à sua 5ª edição e fomenta na sociedade discussões e atitudes voltadas à necessidade urgente da redução do número de mortes e feridos graves no trânsito.

No município de Mariópolis, o Centro de Saúde através dos setores de Saúde do Trabalhador, Nutrição e Psicologia, realizaram uma ação denominada de “Boas Escolhas para Quem te Espera”, em parceria com o setor de Recursos Humanos da empresa RP Info Sistemas.

Para a ação, a Enfermeira do Trabalho, Silvania Bussolaro, solicitou aos funcionários que levassem no dia fotos de familiares, as quais foram usadas para montar um “varal de fotografia”. O objetivo é abrir uma reflexão, onde, a escolha de cada um faz a diferença para quem o espera chegar em casa.

A psicóloga Rosângela Magalhães realizou uma dinâmica com bexigas amarelas, onde chamou seis voluntários para participarem. A Psicóloga fez perguntas com assuntos que acontecem no cotidiano, como atender o celular dirigindo, atravessar a faixa de pedestres, entre outras. O objetivo foi promover uma reflexão sobre a importância das nossas escolhas no trânsito. Quem acertava a resposta ganhava uma “festa”.

Para as crianças das Escolas Municipais, a enfermeira da Saúde do Trabalhador, Silvania Bussolaro, fez uma fala orientando as crianças a chamarem a atenção dos pais para os cuidados no trânsito e também a se comportarem de forma correta no trânsito, como: atravessar na faixa acompanhado de um adulto, não correr, usar cinto de segurança, andar de bicicleta na calçada, entre outros. Também, a Polícia Rodoviária disponibilizou uma moto para as crianças conhecerem melhor o trabalho da Polícia.